Os estudantes interessados em se inscrever no Programa Universidade para Todos (ProUni) devem ficar atentos. As inscrições foram abertas nesta terça-feira, 6, e terminam na próxima sexta-feira, 9. Quem quiser participar da seleção oferecida no primeiro semestre de 2018 deve se inscrever pela internet, na página do programa. O ProUni oferece bolsas de estudo integrais e parciais (50%) em instituições privadas de educação superior, em cursos de graduação.

“As bolsas integrais são destinadas aos estudantes que conseguem comprovar renda per capita de até 1,5 salário mínimo. As bolsas parciais são destinadas aos estudantes que tenham renda familiar per capita de até 3 salários mínimos. Nesta edição temos uma oferta de quase 243 mil bolsas”, detalha o diretor de políticas e programas de educação superior do MEC, Vicente Almeida.

Podem concorrer brasileiros sem diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2017, com nota superior a 450 pontos e acima de zero na prova de redação.

É necessário, ainda, que o candidato atenda a alguns requisitos, como ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral. Também concorrem pelo critério de renda familiar os estudantes com deficiência. Ser professor da rede pública, em efetivo exercício do magistério da educação básica, dá direito à bolsa, sem necessidade de estar enquadrado no perfil de renda.

O processo seletivo é composto por duas chamadas sucessivas e a previsão é de que o resultado com a lista dos candidatos pré-selecionados na primeira chamada seja divulgado em 14 de fevereiro. A segunda chamada deve ser divulgada em 2 de março.

Acesse a página do ProUni